O caso Uniban

Link da notícia - Aluna com pouca roupa provoca tumulto em universidade e vídeo cai na web

 

Pelo título já dá para imaginar o tamanho da confusão. E foi realmente uma bagunça, um incidente atrás do outro que por fim foi parar na internet ou mais precisamente no Youtube.

Por isso continuo alertando as escolas e universidades quanto à educação para a vida, não podemos ficar presos à currículos tradicionais, é preciso ir além, ainda mais na sociedade digital onde a tecnologia invadiu nosso cotidiano.

Os pais também tem seu papel neste cenário, o próprio ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente garante o direito à proteção e não exposição a situações vexatórias, embora neste caso, não se trate de menor de 18 anos.

Mas as conseqüências podem ser eternas, vez que um conteúdo publicado na internet vais para o mundo e não é possível saber onde foi parar, costumo dizer que como advogada consigo retirar uma página do ar, determinadas imagens etc, mas é impossível saber onde foi parar, quem copiou... se foi repassado por email, em que sites foi publicado... mesmo uma busca pode não encontrar todos.

Mas voltando ao assunto das escola e universidades creio que este acontecimento seja um alerta de uma situação que pode fugir do controle da instituição, tanto pela agitação dos alunos e aulas prejudicadas, como também pela responsabilidade sobre o que acontece em suas dependências.

Assim, volto a insistir que quando o assunto é aluno, é preciso trabalhar educação, aulas sobre o tema e assim desmistificar de que a internet seja uma terra sem lei. É preciso esclarecer que as leis regulam nossa conduta, independente do meio utilizado e a internet é apenas um meio na maioria dos casos.

Portanto, sendo a proteção da imagem do indivíduo uma garantia constitucional, um ato impensado não justifica um ato ilícito, bem como, uma infração não justifica a outra. Percebam que mesmo que ela estivesse sem roupa, não justificaria filmar e ainda mais publicar na internet.

Quero deixar claro que não estou defendendo ninguém e muito menos tomando partido, apenas esclarecendo a lei.

Por fim, ela sofreu as conseqüências por sua atitude desprezada por muitos colegas, mas é um sofrimento moral, de hostilização, mas e os autores do vídeo poderão sofrer conseqüências legais, respondendo processo e até possivelmente tendo que pagar uma indenização.

Abs

Cristina Sleiman

cristina@sleiman.com.br

www.cristinasleiman.com.br



Escrito por Crissy às 19h22
[ ] [ envie esta mensagem ]



[ ver mensagens anteriores ]
 
Meu Perfil:
Meu nome é Cristina M.Sleiman, sou advogada e pedagoga. Adepta das Novas Tecnologias, tentei unir neste blog as 3 áreas que amo: Direito, Educação e Tecnologia...


Meu humor



Histórico
01/11/2009 a 30/11/2009
01/10/2009 a 31/10/2009
01/06/2009 a 30/06/2009
01/05/2009 a 31/05/2009
01/02/2009 a 28/02/2009
A


Outros sites
  Senac São Paulo
  Sherlock
  Meu site pessoal
  Templates da Lua
  Projeto Nossas Poesias
  CAIC - Prof. Mariano Costa
  Menor Aprendiz - Tatiane
  Vidas Secas
  Baú dos Sonhos - Marli
  Trocando Letras
  Minhas Anotações
  Prof. Bernie Dodge
  Prof. Jarbas
  Educação e Tecnologia
  Lisa
  Eddie Miami
  Eddie Buzios
  Meu Blog Yahho
  Dra. Patrícia Peck
  Dicas para prof. - Gladis
  Palavra aberta - Gladis
  Conexão XXI - Gladis
  Lendo Histórias - Fátima
  Opinião - Marli
  Lousa Digital
  Crissy´s Blogspot
  Yahoo! Busca Educação
  Educação Digital
  Aprenda Direito.com
  Bloguinfo - noticías Inf. na Educ.






 

inverno
21/06

primav.
23/09

verão
21/12


Outono
20/03






Tire todas as suas dúvidas sobre blogs.